Como explicar o tratamento odontológico aos pacientes

Explicar o tratamento em uma clínica odontológica para os pacientes requer pedagogia significativa por parte do dentista.

Como explicar o tratamento odontológico aos pacientes?

Como explicar o tratamento odontológico aos pacientes

Explicação do diagnóstico e tratamento pelo dentista em linguagem simples.
Dê aos seus pacientes tempo para internalizar a mensagem que você deseja.
No processo de comunicação, as mensagens do dentista devem ser interpretadas e posteriormente descodificadas pelo paciente. Esse processo de descodificação não é fácil porque, na realidade, muitas vezes falta ao paciente o conhecimento para realmente entender seu tratamento.

Nessa linha, é interessante estudar o modelo de descodificação de Charles Osgood, que explica como esse processo ocorre no paciente.
Pergunte ao paciente se ele deseja ser informado durante a intervenção sobre as etapas que você está seguindo na intervenção.
Use diagramas que facilitem a compreensão do diagnóstico.
Reduza a dificuldade das mensagens transmitidas simplificando e encurtando as frases.

Apresentação da informação organizada, concisa (um excesso de informação é negativo) e agrupada em categorias.
Formulação de instruções em termos concretos e específicos e não em termos abstratos e gerais.

Explique essas pequenas coisas a eles. Nunca foi explicado à maioria dos pacientes aqueles aspectos que a priori podem ser considerados óbvios sobre como melhorar sua saúde bucal por meio do uso de escovas interproximais, fio dental ou como fazer uma escovação correta. Essas explicações triviais podem significar deixar para seus pacientes a sensação de que o dentista realmente se preocupa com a saúde e higiene bucal de seus pacientes, além de realizar um tratamento caro.

Uso de espelho. Quando os pacientes vão ao dentista, geralmente dizem o que precisam, mas poucos dentistas ensinam o que precisam. As câmeras intraorais facilitam isso, mas também devem ser usadas em conjunto com um espelho de mão. Um espelho fornece aos pacientes um ponto de referência que uma câmara intraoral nem sempre fornece.

Quando os pacientes olham para as imagens obtidas pela câmara intraoral, muitas vezes não têm uma orientação espacial, mas se previamente (ou ao mesmo tempo) forem auxiliados com um espelho, o efeito é duplamente didático.
Dê uma ideia do que consistirá sua consulta do dia e analise seu plano geral de tratamento.

Os dentistas costumam ignorar a apresentação visual do tratamento. Isso porque eles sabem bem do que estão falando e estão visualizando, mas esquecem que para os pacientes é algo completamente desconhecido, por isso é importante apresentar visualmente o tratamento. Esta apresentação pode ser de vários tipos:

Com tipodontos : Tipodontos são modelos que dão ao paciente uma ideia muito aproximada de sua patologia e como ela pode ser resolvida. Existem modelos ou tipodontes para todas as especialidades, periodontia, implantologia, endodontia, cirurgia, … e é uma ótima maneira de fazer o paciente entender sua patologia e as diferentes possibilidades de tratamento.

Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.